País

Escola Artística António Arroio, em Lisboa, está sem refeitório há 12 anos

Alunos almoçam na rua e sentados no chão.

A Escola Artística António Arroio, em Lisboa, está sem refeitório há 12 anos. Os alunos são obrigados a almoçar na rua, sentados no chão. A obra começou em 2019, mas não tem data para acabar.

A situação arrasta-se há 12 anos. Durante este tempo, a obra arrancou e parou várias vezes. Com um custo estimado em 10 milhões de euros, o projeto inclui também um museu, uma galeria de arte e um auditório.

Uma empreitada abrangente, que já teve várias previsões de fim que nunca foram cumpridas.

A Câmara Municipal de Lisboa disponibilizou entretanto um contentor com 40 lugares sentados e fornece as refeições encomendadas também em take-away.

Contactado pela SIC, o Ministério da Educação garante que têm sido realizadas reuniões para elaborar um plano até à conclusão da empreitada.

A Parque Escolar disse à SIC que as obras estão a decorrer a um ritmo condicionado devido a dificuldades por parte do empreiteiro. Garante, ainda assim, estar a fazer de tudo para que termine no mais curto prazo possível, mas não se compromete com uma data.