País

"Ia trabalhar das oito às quatro da tarde e não comia nada. Sinto-me um escravo" 

Exclusivo SIC 

Exploração laboral: equipa da SIC acompanhou investigação e falou com duas vítimas.  

Só nos primeiros meses deste ano, foram sinalizadas mais de 20 vítimas de tráfico e exploração laboral em Portugal, quase todas no Alentejo.

Esta será apenas uma pequena amostra da realidade de muitos trabalhadores sazonais.

A SIC acompanhou em exclusivo, no terreno, uma operação de investigação e vigilância do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e falou com duas vítimas.

Paquistaneses, indianos, nepaleses, mas também africanos ou da Europa de leste, as vítimas passam quase sempre por dificuldades semelhantes.

Nos últimos 11 anos, foram sinalizadas 775 vitimas de tráfico de seres humanos em Portugal, dos quais cerca de 70% dos casos foram de exploração laboral, a maioria no Alentejo Mas há também registos em Lisboa, na zona Oeste, no Norte e no Algarve

A mudança legal em 2017 tornou mais fácil a obtenção de residência em Portugal do que noutros países europeus. Essa perspetiva leva muitos a sujeitarem-se a quase tudo.