País

Associação 25 de Abril explica a polémica com a Iniciativa Liberal

Coronel Vasco Lourenço esclarece quem pode ou não participar no evento e volta a sublinhar que as restrições têm por base a situação pandémica.

O Livre cedeu quatro dos seus lugares no desfile do 25 de Abril à Iniciativa Liberal e ao Volt Portugal, que viram a sua participação recusada nas celebrações. A Associação 25 de Abril diz que é por causa da pandemia.

O Coronel Vasco Lourenço, presidente da associação 25 de Abril, clarificou esta quinta-feira, no programa Opinião Pública na SIC Notícias, que a decisão da comissão promotora do desfile, que junta várias organizações, foi a de apenas integrarem o desfile aqueles que fazem parte dessa comissão promotora.

Esse grupo é constituído por organizações que têm sido integradas ao longo dos anos e que se têm proposto a participar, que não é o caso da Iniciativa Liberal. Segundo explica o coronel Vasco Lourenço, o partido mostrou interesse em fazer parte do desfile, tal como aconteceu há dois anos, com a diferença que este ano o evento apresenta restrições relativas à pandemia.

Como era um partido político, o presidente da Associação 25 de Abril disse que tentou abrir uma exceção junto da comissão promotora, mesmo depois de ter rejeitado a participação de outras associações.

  • 1:55