País

Documentos e teste à covid-19 falsos nos aeroportos de Lisboa e Porto

Armando Franca

SEF intercetou passageiros que chegaram a Portugal com documentos alheios ou contrafeitos.

Três cidadãos portadores de documentação falsa foram detetados no domingo no aeroporto de Lisboa pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), anunciou esta segunda-feira este órgão de polícia criminal e fronteiras.

Em comunicado, o SEF adianta que dois destes cidadãos foram detetados na partida de voo com destino à República da Irlanda, na posse de documentação alheia.

Já o terceiro foi detido no controlo sanitário à chegada de voo proveniente de Viena, Áustria, tendo-se identificado com documentação contrafeita.

No Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, o SEF reteve, também no domingo, um cidadão proveniente de Paris, França, por ter apresentado um comprovativo de teste à covid-19 falsificado. O cidadão realizou depois o teste à covid-19 a expensas próprias, no interior do aeroporto, refere o SEF.