País

CDS e PSD juntos na corrida à Câmara de Lisboa

Líderes dos partidos estiveram reunidos para decidir eventual coligação

A mais recente ida de PSD e CDS juntos, em coligação, à Câmara de Lisboa foi em 2013 e para 2021 a aposta parece ser a mesma.

Segundo o Expresso, os líderes dos dois partidos, Rui Rio e Francisco Rodrigues dos Santos estiveram reunidos num encontro informal e concordaram numa lista única de centro-direita contra Fernando Medina, atual presidente da Câmara de Lisboa.

A lista poderá estar aberta a mais partidos tais como o PPM, MPT e até o Aliança. Para já, o Chega e a Iniciativa Liberal estão fora do desafio, por razões diferentes.

Quanto aos nomes para encabeçar a lista comum de PSD e CDS há apenas uma certeza, a de que Paulo Portas não fará parte.

O antigo líder do CDS, em entrevista ao Público, confessou não sentir vocação autarquica e colocou-se de fora da corrida autárquica.