País

Vento forte dificulta combate às chamas na Pampilhosa da Serra

Comandante da Proteção Civil faz ponto de situação.

Um incêndio florestal em Janeiro de Baixo, Pampilhosa da Serra, no distrito de Coimbra, está a obrigar à intervenção de mais de 400 bombeiros, 15 meios aéreos e 123 veículos.

Em declarações aos jornalistas, no terreno, o Comandante Distrital de Operações de Socorro (CODIS) de Coimbra, Carlos Luís Tavares, destacou que o vento tem difcultado o combate às chamas. Há "duas frentes ativas", cada uma com "cerca de dois quilómetros" de extensão.