País

Sindicato recebe denúncias de agressão a professores a cada três dias

Sindicato recebe denúncias de agressão a professores a cada três dias

Sindicato Independente dos Professores e Educadores vai entregar petição para que estas agressões sejam equiparadas a crime público.

O SIPE confirma ao Jornal de Notícias que a maioria dos casos diz respeito a agressões físicas de alunos a professoras.

Preocupado com o ritmo das denúncias, o sindicato entrega amanhã na Assembleia da República uma petição com mais de oito mil assinaturas a pedir para que estas agressões sejam equiparadas a crime público.

O Ministério da Educação sublinha que a atual lei já prevê esta classificação e garante que o combate à violência nas escolas já é uma prioridade para o Governo.