País

Jovem que matou irmã de Yannick Djaló condenado a 16 anos de prisão

Foram provados um crime de homicídio na forma consumada, 11 crimes de tentativa de homicídio e condução perigosa.

O atropelamento ocorreu por volta das 2h da manhã. Abel Fragoso, com 21 anos na altura, seguia ao volante de um carro depois de ter sido agredido publicamente. Devido ao orgulho ferido, de acordo com o tribunal, entrou numa rua de trânsito proibido e embateu num grupo de 6 pessoas. No total, 11 ficaram feridas e Açucena Patricia acabou por morrer a caminho do hospital.