País

Governo trava negociação com famílias dos recrutas que morreram nos Comandos

Ministério da Justiça vai aguardar pelo fim do julgamento que começou há mais de um ano.

O Governo travou a negociação que serviria de base ao pagamento de indemnizações às famílias dos dois jovens que morreram nas provas de admissão ao curso de comandos, em 2016.

De acordo com o Jornal de Notícias, o Ministério da Justiça informou as famílias que vai aguardar pelo final do julgamento para saber se deverá ou não indemnizar os familiares das vítimas.