Mundo

Vulcão em La Palma abre nova boca eruptiva e obriga a mais evacuações

BORJA SUAREZ

A anterior erupção na ilha ocorreu em 1971, em Teneguía, e durou 24 dias.

O vulcão Cumbre Vieja que entrou em erupção no domingo na ilha espanhola de La Palma (Canárias) tem uma nova boca eruptiva próxima da cidade de Tacande, o que obrigou a evacuar mais habitações, informaram hoje as autoridades.

De acordo com a informação do Plano Especial de Emergências Devido a Risco Vulcânico das Canárias (Pevolca), a nova boca do vulcão surgiu na noite de segunda-feira a cerca de 900 metros da principal, tendo sido solicitada a retirada da população daquele local, na zona de El Paso.

Até à tarde de ontem, foram mais de 5.000 habitantes retirados das suas casas, devido à proximidade da zona da erupção ou porque as propriedades foram engolidas pela lava.

Esta erupção, a oitava ocorrida em La Palma, desde o séc. XV, expele através de duas fissuras alinhadas, de norte a sul e a cerca de 200 metros de distância, com vários pontos de emissão, conforme detalhou a comissão científica que acompanha a ocorrência.

Tacande é uma cidade com 704 habitantes, mas as autoridades não foram capazes de especificar quantos terão de ser despejados das suas casas, alertando que as evacuações devem seguir os critérios de precaução.

Frente de lava expelida pelo vulcão de La Palma chega a atingir os seis metros de altura

O vulcão Cumbre Vieja, na ilha espanhola de La Palma (Canárias), entrou em erupção no domingo e as autoridades preveem retirar das zonas mais expostas entre 5.000 e 10.000 pessoas.

La Palma, com 85 mil habitantes, é uma das oito ilhas do arquipélago das Canárias e encontra-se a 460 quilómetros da ilha portuguesa da Madeira.

A anterior erupção em La Palma ocorreu em 1971, em Teneguía, no sul da ilha, e durou 24 dias.

Veja também:

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia