Mundo

Donald Trump continua suspenso no Facebook e Instagram

A decisão do Conselho de Supervisão decidiu manter a suspensão, mas pede ao Facebook que faça uma revisão da sanção dentro de seis meses.

Donald Trump vai continuar com as contas suspensas no Facebook e no Instagram. O Conselho de Supervisão da rede social considera que o antigo Presidente dos Estados Unidos glorificou a invasão ao Capitólio.

A 6 de janeiro, enquanto os seus apoiantes invadiam a sessão que validava a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais, Donald Trump escrevia no Facebook:

“É isto que acontece quando uma vitória eleitoral esmagadora é descarada e cruelmente roubada a grandes patriotas (…) Lembrem-se deste dia para sempre!”

No dia seguinte foi banido da rede social por glorificar a violência. O Conselho de Supervisão do Facebook, um órgão independente que funciona como uma espécie de tribunal, concordou, agora, em manter a suspensão – que inclui também o Instagram.

Considera, no entanto, que a sanção tem de ter um tempo limite e pediu ao Facebook para fazer uma revisão da decisão dentro de seis meses.

O veredicto do painel devia ter sido anunciado no mês passado, mas a quantidade de publicações de Trump – entre elas um vídeo em que, após o ataque ao Capitólio, apelava à ordem mas dizia compreender a revolta – levaram a um atraso na decisão.

Donald Trump lançou, um dia antes de ser conhecida a decisão, um blog que lhe permite publicar conteúdos que podem, depois, ser partilhados pelos seguidores no Facebook e no Twitter – de onde também foi banido.

  • 8:23