Mundo

Contas de Trump no Facebook e Instagram vão continuar suspensas 

Octavio Jones

No entanto, a comissão de supervisão critica o carácter permanente da decisão.

A suspensão das contas de Facebook e Instagram do antigo Presidente Donald Trump vai continuar por tempo indefinido.

A suspensão foi anunciada pela comissão de supervisão do Facebook que criticou, no entanto, o carácter permanente da decisão. Exigiu que a rede social analisasse a decisão e justificasse "com uma resposta proporcional".

A comissão de supervisão disse que a decisão inicial de suspender permanentemente Trump foi "indeterminada e sem padrão", e que a resposta correta deve ser "consistente com as regras que são aplicadas aos outros utilizadores da plataforma".

Apesar das críticas, a suspensão vai continuar em vigor por enquanto.

O Facebook terá agora um prazo de seis meses para responder às críticas da comissão.

CONTAS FORAM SUSPENSAS APÓS INVASÃO DO CAPITÓLIO

As contas de Donald Trump foram suspensas devido a suspeitas de incitamento à violência, na sequência da invasão ao Capitólio, em 6 de janeiro, enquanto o Congresso validava a vitória do democrata Joe Biden nas presidenciais de 3 de novembro.

Um dia depois da tentativa de insurreição, Facebook e o Instagram silenciaram as contas do antecessor de Biden a 7 de janeiro, considerando que iria estar suspenso "pelo menos" até 20 de janeiro, dia do início do mandato da administração democrata.

A decisão culminou com vários anos de inação perante a retórica inflamada de Trump.