Mundo

Prédio congelado na Rússia deixa moradores com temperaturas negativas em casa

Nesta altura do ano, os termómetros podem chegam aos –30 graus Celsius em algumas zonas do país.  

Um prédio na cidade russa de Irkutsk está completamente congelado. Os tubos de aquecimento estragaram-se no mês passado e, desde então, os moradores têm estado a viver com temperaturas negativas dentro e fora de casa.

Nesta altura do ano, as temperaturas negativas são habituais na Rússia e os termómetros podem chegam aos –30 graus Celsius em algumas zonas do país.

Os moradores não sabem a quem pedir ajuda. O prédio é do Governo, mas o Executivo diz que a câmara municipal da cidade é que tem a responsabilidade.

Perante a situação, a autarquia já foi obrigada a realojar os moradores do prédio, num processo que ainda deverá demorar cerca de um mês até ficar concluído.