Mundo

Greta Thunberg responde aos críticos: "Asperger é um super-poder"

Andrew Kelly

A adolescente e ativista sueca responde aos críticos.

"Quando os "haters" começam a criticar a tua aparência e tuas as diferenças... sabes que estás a ganhar". Greta Thunberg responde assim aos criticos "Asperger é um super poder" e usou hastag #aspiepower.

A adolescente sueca tem síndrome de Asperger. A doença foi-lhe diagnosticada aos 12 anos.
Hoje tem 16.

Thunberg escreveu no Twitter que antes de criar o movimento "não tinha energia, amigos e não falava com ninguém. Passava o tempo sozinha em casa, com um distúrbio alimentar".

Greta só fala mesmo quando é necessário e garante que não escondeu a doença: "Há muitas pessoas ignorantes" que ainda o veem este transtorno como uma 'doença' ou algo negativo".

Jeenah Moon

É o mais recente rosto da luta contra as alterações climáticas.

A sueca de 16 anos está na origem de um movimento mundial de estudantes, que se uniram numa greve climática para pressionar a ação dos governos em defesa do clima.

Recusa-se a viajar de avião, devido à poluição que provoca, e procurou uma alternativa ambientalmente sustentável, tendo optado por se deslocar num veleiro ecológico, equipado com painéis solares e turbinas submersas que geram eletricidade sem dióxido de carbono.


Está em Nova Iorque para participar, no próximo dia 23 de setembro, na cimeira do clima da ONU.