Prémio Intermarché Produção Nacional 2018

Gotik Gin - O destilado ribatejano que chegou, viu e convenceu

Para este destilado aromático, o Prémio Intermarché Produção Nacional de 2018 tem representado a visibilidade necessária para crescer nas vendas aqui e além-fronteiras

Há cerca de cinco anos, em Santarém, cinco amigos criaram a destilaria MVPGIN com a intenção de produzir e envelhecer destilados de qualidade através de processos ancestrais. Era o concretizar de um sonho de Gonçalo Pereira, um dos sócios e produtor de abóbora-manteiga, que acabou por transformar os exemplares desta planta não comercializáveis por questões de calibre (e que seriam desperdiçados) no ingrediente-estrela e inédito do primeiro gin premium saído dos alambiques artesanais de cobre desta destilaria ribatejana.


O produto obtido, um suave London Dry sujeito a sete destilações, viria a ser denominado Gotik Gin (Edição Santa Clara).

Com esta bebida cristalina, cujo nome e imagem são um tributo à arquitetura da capital do Ribatejo, também conhecida pela capital do Gótico, candidataram-se, em 2018, ao Prémio Intermarché Produção Nacional na categoria de Produtos Transformados. A sugestiva garrafa roxa e o bouquet distintivo da base aromática do Gotik Gin, que reúne os sabores da abóbora-manteiga, do zimbro e de mais 19 botânicos, entre os quais frutos e ervas provenientes de produtores certificados da região, convenceram o júri.

Gonçalo Pereira considera que este prémio, que inclui um ano de vendas nas lojas Intermarché, acaba por ser um selo de qualidade importante na decisão de compra: “A atribuição deste prémio ajuda a catapultar a produção nacional, dando-lhe a visibilidade necessária junto do consumidor”.

Entretanto, o Santa Clara está a ter uma ótima aceitação, com as vendas a crescer e a alavancar o aumento da gama, uma realidade que já se refletiu no lançamento de uma nova edição do Gotik Gin, com o nome Igreja da Graça. As perspetivas para o futuro são, assim, bastante promissoras, quer ao nível das vendas no mercado nacional quer com a abertura de dois grandes canais de exportação.

Pretendendo afirmar-se como uma destilaria de autor, a MVPGIN está a apostar estrategicamente na diversificação, com o desenvolvimento, envelhecimento e comercialização de outros destilados.