Prémio Intermarché Produção Nacional

Montiqueijo - em barra, com sabor tradicional a alecrim, manjericão e tomate

E foi na categoria Inovação que este queijo fresco foi reconhecido pelo Prémio Intermarché Produção Nacional 2017

O queijo fresco Montiqueijo apresentado em barra, nos sabores tradicional e aromatizado, foi premiado em 2017, na categoria de Inovação.


Na Montiqueijo, a arte de transformar o leite em queijo já vem de longe. Foi em 1963 que o avô paterno de Dina Duarte (na foto) — hoje à frente desta empresa localizada no cimo de um monte, em Lousa (Loures) — deu aos seus pais, acabados de casar, uma vaquinha para início de vida. O negócio correu bem e atualmente a Montiqueijo conta com cerca 1300 vacas, sendo uma das principais marcas portuguesas produtoras de queijo fresco, requeijão e queijo curado de vaca desde a origem.

O foco nos consumidores e a consequente procura constante de novos paladares e de novas formas de apresentar os seus produtos, sem perder a genuinidade de um produto tradicional, levou ao desenvolvimento de um queijo fresco comercializado em barra, ideal para servir à mesa e fatiar, em três variedades: sabor tradicional, aromatizado com alecrim e aromatizado com manjericão e tomate.

Com esta gama, a Montiqueijo candidatou-se, em 2017, ao Prémio Intermarché Produção Nacional, na categoria de Inovação, e ganhou. A distinção permitiu, de acordo com Dina Duarte, “aumentar a distribuição nacional, e a comunicação gerada incrementou o conhecimento dos consumidores em relação à inovação da Montiqueijo, o que gerou maior notoriedade e mais vendas e nos motiva a continuar a apostar nesta área”.

Já este ano, a qualidade do queijo fresco em barra foi de novo avaliada e reconhecida, desta vez com o prémio nacional Sabor do Ano 2018, na categoria de Queijo Fresco Tradicional e com Especiarias.