Vacinar Portugal

Covid-19: vacinação simultânea contra gripe e novo coronavírus arranca esta segunda-feira

Direção-Geral da Saúde prevê vacinar cerca de dois milhões de pessoas nesta modalidade.

A administração em simultâneo das vacinas contra a gripe e a covid-19 arranca esta segunda-feira em Portugal continental, com a Direção-Geral da Saúde (DGS) a prever vacinar cerca de dois milhões de pessoas nessa modalidade.

A diretora-geral da Saúde Graça Freitas garantiu, na sexta-feira, que está "tudo preparado" para a coadministração das duas vacinas a pessoas com 65 ou mais anos a partir desta segunda-feira, uma prática realizada em Portugal e no mundo, no âmbito dos programas nacionais de vacinação, que visa otimizar os esquemas vacinais recomendados.

A DGS avançou que os dados disponíveis analisados pela Comissão Técnica de Vacinação contra a covid-19, que incluem os resultados da reunião do grupo de peritos da Organização Mundial da Saúde em matéria de vacinação, mostram que existe um perfil de segurança aceitável após a toma das duas vacinas.

DGS diz que é seguro e eficaz tomar vacinas contra a covid-19 e a gripe em simultâneo

A Direção-Geral da Saúde (DGS) diz que é seguro para a população e que a eficácia das duas vacinas se mantém.

Os técnicos e os médicos concluíram que administrar a terceira dose contra a covid-19 e a vacina da gripe em simultâneo não tem riscos nem para a saúde, nem para a eficácia de ambas as vacinas.

A partir desta segunda-feira, quem for chamado ao centro de saúde ou ao centro de vacinação pode levar as duas vacinas. A DGS alerta apenas que as inoculações devem ser feitas em braços diferentes.

Quem preferir, pode dar 14 dias de intervalo entre as duas tomas. Para isso, basta informar o profissional de saúde que faz a marcação da outra vacina.

A administração da terceira dose da vacina contra a covid-19 está a decorrer em Portugal, com prioridade aos idosos com 80 e mais anos e utentes de lares e de cuidados continuados e abrangendo, nesta fase, as pessoas com 65 ou mais anos.

► VEJA MAIS: