Orçamento do Estado

OE 2022: Presidente da República acredita na aprovação do Orçamento 

Presidente da República sem pensar noutros cenários até fim das conversações entre partidos. 

O Presidente da República acredita que o Orçamento do Estado para 2022 será aprovado e diz que só vai pensar noutros cenários após o fim de conversações entre partidos.

"O que era desejável e expectável para o país era que o Orçamento passasse, poupava muitos custos, muitos problemas e algumas preocupações, mas vamos esperar", afirmou aos jornalistas.

Marcelo Rebelo de Sousa diz também que continua com essa esperança enquanto decorrerem as conversações.

"Se corre tudo como eu desejo e espero, é uma hipótese. Se não corre, passo a pensar nesse cenário que até agora não tenho pensado", refere.

FIM DE SEMANA DECISIVO NAS NEGOCIAÇÕES PARA O ORÇAMENTO DO ESTADO

Este é um fim de semana decisivo para as negociações do Orçamento do Estado para 2022.

O primeiro-ministro, António Costa, recebeu o PCP e o Bloco de Esquerda numa tentativa de chegar a acordo para a viabilização do Orçamento do Estado para o próximo ano.

Entre Governo e Bloco voltou a não haver consenso. De acordo com o partido, na reunião deste sábado, o Executivo não realizou qualquer nova aproximação às propostas do Bloco de Esquerda.

O Bloco diz que, ao manter-se este quadro, a Comissão Política vai propor à Mesa Nacional, que se reúne este domingo, a orientação de voto contra o Orçamento do Estado para 2022. No entanto, não fecha a porta e disse ao Governo que está disponível, até à votação na generalidade, para continuar a negociar.

O resultado da reunião com o PCP ainda não é conhecido.

Na sexta-feira à noite, enquanto António Costa discutia as medidas na Comissão Política, no Expresso da Meia-Noite, na SIC Notícias, António Filipe, do PCP, dava sinais de que estas propostas não chegam.

VEJA TAMBÉM: