Coronavírus

Caixões empilhados na Alemanha, 3.º confinamento à vista em França e novo máximo de contágios em Espanha

O número total de mortes na Alemanha superou as 50 mil no mesmo dia em que o Presidente francês pediu à população para suavizar as críticas à estratégia de combate à pandemia. Em Espanha, foi registado um novo máximo diário de contágios com quase 45 mil novos casos.

Saiba mais...

Apesar das restrições, como o encerramento das escolas e serviços não essenciais, a segunda vaga atingiu a Alemanha com muito mais força do que a primeira.

O número total de mortes superou as 50 mil apesar do país ter apertado as restrições: as escolas permanecem encerradas desde meados de dezembro, assim como o comércio não essencial, medidas prolongadas, agora, até ao dia 14 de fevereiro.

Ainda longe do colapso, os hospitais espanhóis assistem a um aumento do número de pessoas hospitalizadas. Nas últimas 24 horas, o país registou um novo máximo diário de contágios, com quase 45 mil novos casos confirmados de infeção.

França pondera um terceiro confinamento apesar das várias críticas feitas ao governo e às medidas adotadas para tentar travar a pandemia. O Presidente francês admite que as próximas semanas serão duras, numa altura em que o país assiste a um novo aumento dos números: cerca de 23 mil casos e quase 350 mortes em apenas um dia.

  • 1:55
  • O cartão amarelo que não se percebe 

    Opinião

    Despir a camisola aquando da celebração de um golo é proibido pelas leis de jogo. Penso que toda a gente sabe disso. Aliás, basta apenas que um qualquer jogador cubra a cabeça usando essa peça de equipamento para ser sancionado.

    Duarte Gomes