Coronavírus

"O desejável é que ele receba os cuidados de saúde onde está no Japão"

"O desejável é que ele receba os cuidados de saúde onde está no Japão"

A opinião do médico infecciologista António Silva Graça sobre o português infetado pelo coronavírus no navio de cruzeiro atracado no porto de Yokohama há cerca de três semanas e que hoje foi transferido para um hospital japonês.

Especial Coronavírus

António Silva Graça acredita que o português infetado com coronavírus no Japão poderá regressar a Portugal assim que for ultrapassado o período de risco de contágio.