Coronavírus

Ministro adjunto da Saúde do Irão infetado pelo coronavírus

Adjunto da Saúde Iraj Harirchi (à esquerda) numa conferência de imprensa sobre Covid-19 em Teerão com o porta-voz Ali Rabie

PRESIDENT OFFICE HANDOUT

Responsável pela equipa especializada no combate ao coronavírus no Irão.

Especial Coronavírus

O ministro-adjunto iraniano da Saúde testou positivo para o Covid-19, avança a agência de notícias ILNA, citada pelas agências internacionais.

O porta-voz do Ministério da Saúde confirmou numa entrevista à televisão estatal que Iraj Harirchi está infetado e foi colocado em quarentena.

"O teste realizado a Harirchi, ministro-adjunto da Saúde, que estava na linha de frente do combate ao coronavírus, foi positivo", anunciou Alireza Vahabzadeh, assessor do Ministro da Saúde, no Twitter.

Numa conferência de impresna na segunda-feira com o porta-voz do Governo Ali Rabii, Iraj Harirchi tossiu várias vezes e parecia estar a suar.

Irão eleva para 15 número total de mortos por infeção do novo coronavírus

As autoridades iranianas atualizaram hoje para 15 o número de mortos resultantes do novo coronavírus Covid-19 no país, reportou a agência oficial IRNA.

A IRNA acrescenta que duas das vítimas eram duas idosas da província central de Markazi e a terceira vivia na província de Alborz, norte do Irão.

O anterior total oficial, anunciado segunda-feira, era de 12 mortos e 61 casos confirmados.

Veja também: