Coronavírus

Segunda morte por coronavírus em Itália

Segunda morte por coronavírus em Itália

Cerca de 50 infetados no país, mais de 250 pessoas em quarentena

Especial Coronavírus

Foi confirmada a segunda morte por infeção pelo coronavírus Covid-19 em Itália. Ontem foi conhecida a primeira vítima mortal no país onde os cerca de 50 casos confirmados de pessoas infetadas levaram ao encerramento de todos os locais públicos em 10 municípios.


Em menos de 24 horas foram confirmadas em Itália duas mortes por infeção pelo Covid-19. Esta manhã, foi confirmada a morte de uma mulher de 77 anos da região da Lombardia. Na noite de sexta-feira, as autoridades tinham confirmado a morte de um homem de 78 anos na provincia de Pádua.

No país foram identificados mais de 50 casos de infeção, a grande maioria na Lombardia, no norte de Itália. Mais de 250 pessoas permanecem em observação, a maioria dos casos suspeitos são profissionais de saúde e pessoas que estiveram em contacto com os infectados.

Por precaução, as autoridades determinaram o encerramento de vários espaços públicos em pelo menos 10 cidades e foi pedido a e 50 mil habitantes que permanecessem em casa.

OMS não esconde a preocupação com o ritmo de propagação do Covid-19

A Organização Mundial da Saúde pede uma ação urgente para travar a propagação do novo coronavírus.

O Governo da Coreia do Sul confirma que o país entrou numa fase mais preocupante e declarou emergência nacional.. Em apenas 24 horas, o número de infetados mais do que duplicou. Desde sexta-feira, as autoridades confirmaram 229 novos casos. O balanço ultrapassa agora os 400 infetados e inclui duas vitimas mortais.

A doença continua a espalhar-se pelo mundo. Há já cerca de 78 mil infetados em vários países.

na China continental, morreram 2345 pessoas.

Veja também: