Eleições Autárquicas

Projeções: abstenção poderá ser a maior de sempre em autárquicas

ANTÓNIO COTRIM

Segundo a previsão feita à boca das urnas, a abstenção deverá estar entre os 45 e os 50%.

A previsão de abstenção nas autárquicas é de 45 a 50%, segundo a sondagem que foi feita pela Metris GfK, o Instituto de Ciências Sociais (ICS) e Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE) para a SIC e Expresso.

Na melhor das hipótese, a abstenção igualará a registada em 2017, ou seja 45%. No entanto, é previsível que este valor seja ultrapassado, uma vez que a projeção aponta um intervalo entre 45 e 50%.

Existe ainda a possibilidade de ser atingido, nesta eleições, o valor mais alto alguma vez registado em autárquicas - destronando 2013, quando foi registado 47,4% de abstenção.

As abstenção nas autárquicas costuma ser a mais baixa dos vários sufrágios. No entanto, desde 2009, que o valor ultrapassou os 40%.

ESPECIAL ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS

  • A escola como uma gigantesca perda de tempo

    País

    Pode ser Eva. Fez um teste de Geografia e foi a única da turma a ter negativa. Dos seus olhos formosos e inexpressivos, num rosto negro como o touro do Herberto Helder, ruíram-lhe duas lágrimas. Mas daquelas que represam tanta água - tanta mágoa - que deixam cicatrizes aquosas. 43%.

    Opinião

    Rui Correia