Assalto em Tancos

Alegado líder do grupo que furtou as armas de Tancos vai ser libertado na terça-feira

Foi atingido o limite do prazo de prisão preventiva para João Paulino.

Joao Paulino, alegado líder do grupo que furtou as armas de Tancos, vai ser libertado na terça-feira, apurou a SIC.

Foi atingido o limite do prazo de prisão preventiva para este arguido no processo de Tancos.

À saída do Tribunal do Monsanto, onde decorre a instrução do processo de Tancos, dirigida pelo juiz Carlos Alexandre, o advogado de João Paulino, Melo Alves explicou que o seu constituinte optou, para já, por não prestar declarações, uma vez que houve duas ações encobertas efetuadas pela PJ e que a defesa "quer ter acesso" ao teor dessas ações", da mesma forma como o Ministério Público (MP) já teve, para " [João Paulino] se poder defender".

  • O que é o jantar amanhã?
    36:07
  • Os 44 golos de mais uma quinta-feira de Liga Europa

    Liga Europa 2019/2020

    Estão todos aqui. Os golos e os lances que marcaram os duelos da 1.ª mão dos 16-avos-de-final.

    SIC Notícias