Cultura

A batida no tempo certo: assim era Charlie Watts nos Rolling Stones

Flávio Valente

Flávio Valente

Editor de Imagem

O baterista britânico morreu em Londres com 80 anos.

Começou por ser baterista de jazz e foi num destes concertos que os futuros colegas de grupo o conheceram e acabaram por convidá-lo a integrar o projeto ao qual chamaram Rolling Stones.

Watts entrou em 1963 e assim permaneceu por cerca de 60 anos. Era o terceiro elemento há mais tempo na banda.

Uma das vezes em que os Rolling Stones passaram por Portugal foi no Rock in Rio, em 2014.

Charlie Watts morreu aos 80 anos num hospital de Londres, rodeado pela família.