Cultura

A Feira do Livro tem novas regras e só recebe 3300 visitantes em simultâneo

Rafaela Sousa

Jornalista

Edgar Ascensão

Edgar Ascensão

Repórter de Imagem

Flávio Valente

Flávio Valente

Editor de Imagem

Em tempos de pandemia, a principal preocupação é a segurança dos visitantes. A entrada na Feira do Livro de Lisboa é controlada pela organização que garante que o recinto não junta 3300 pessoas ao mesmo tempo.