Cultura

Margaret Atwood e Bernardine Evaristo vencedoras do Booker Prize 2019

As duas escritoras vão partilhar o prémio de mais de 45 mil euros.

A escritora canadiana de 79 anos, Margaret Atwood, ganha com a obra "The Testaments", sequela de "A História de uma serva".

Bernardine Evaristo, que nasceu em Londres em 1959, recebe o prémio pela autoria de "Girl, Woman, Other".

Já não é a primeira vez que o Booker Prize tem dois vencedores ex aequo: Nadine Gordimer e Stanley Middleton, em 1974, e Michael Ondaatje e Barry Unsworth, em 1992, foram os autores que já receberam o prémio em conjunto, num mesmo ano.

O Booker Prize mudou as regras em 1993 para que o vencedor passasse a ser um só. Desde então, foi sempre atribuído a um só autor. Este ano, o júri abriu uma exceção, mas as vencedoras partilham o valor monetário do Booker Prize, 50 mil dólares.

Este é o segundo Booker Prize atribuído a Margaret Atwood. Em 2000, a escritora ganhou com o livro "The Blind Assassin".

Bernardine Evaristo é a primeira mulher negra a vencer este importante prémio de literatura.

  • “Entregues à Sorte” – Quarto episódio
    27:01