João Lopes

João Lopes

Crítico de Cinema

Crítico de cinema, argumentista, realizador. Responsável pela área de Cinema de Guimarães 2012 – Capital Europeia da Cultura. Professor da Escola Superior de Teatro e Cinema. Última publicação: “Cinema e História: Aventuras Narrativas” (Fundação Francisco Manuel dos Santos, 2018).

  • "A Herdade" ou um melodrama português
    9:57

    Opinião

    Várias décadas da vida de Portugal, revisitadas em tom melodramático, estão no centro de "A Herdade", a realização de Tiago Guedes candidata a uma nomeação para o Oscar de melhor filme estrangeiro. João Lopes assinala também a estreia da aventura espacial "Ad Astra", com Brad Pitt, e "Downton Abbey", transposição cinematográfica da série televisiva; na banda sonora, evoca-se um clássico de Stanley Kubrick.

    João Lopes

  • “A Herdade” na corrida aos Óscares

    Opinião

    Como é sabido, “A Herdade” foi escolhido para ser o representante oficial do nosso país na 92ª edição dos Óscares (a realizar no dia 9 de Fevereiro de 2020). Mais exactamente, a realização de Tiago Guedes vai integrar o lote de obras candidatas a uma nomeação para o Óscar de melhor filme estrangeiro, ou melhor, e de acordo com a nova designação adoptada pela Academia de Hollywood, “melhor filme internacional” (anteriormente, “melhor filme em língua estrangeira”).

    João Lopes

  • Cinema ensina-nos a redescobrir a pintura
    12:09

    Cultura

    O filme "O Pintassilgo" tem como peça central o quadro com o mesmo título, pintado por Carel Fabritius em 1654 [na imagem, um fragmento]; adaptado do romance de Donna Tartt, realizado por John Crowley, com ele redescobrimos a beleza da pintura e os enigmas das relações humanas. João Lopes comenta também a estreia do documentário "Santiago, Itália" e ainda "Amazing Grace", um registo inédito da gravação de um célebre álbum de gospel, por Aretha Franklin, em 1972.

    João Lopes

  • Antonio Banderas protagoniza filme confessional de Almodóvar
    9:42

    Cultura

    "Dor e Glória" chega esta semana às salas portuguesas: protagonizado por Antonio Banderas (distinguido com um prémio de interpretação em Cannes), trata-se de uma viagem confessional do seu realizador, Pedro Almodóvar, reflectindo sobre as convulsões emocionais da sua existência. João Lopes comenta também a estreia do desenho animado "A Ganha-Pão", assinalando ainda o lançamento em DVD do filme "Snu", de Patrícia Sequeira.

    João Lopes e Cartaz

  • Clássico soviético regressa em cópia restaurada
    10:22

    Cultura

    "Vem e Vê" (1985), de Elem Klimov, por vezes apelidado "o melhor filme de guerra de todos os tempos" está de regresso às salas portuguesas, agora em cópia restaurada. Nesta edição do Cartaz de Cinema gravada no Palácio de Belém, no cenário da 4ª Festa do Livro, João Lopes comenta também as relações entre literatura e cinema, destacando o filme de João César Monteiro sobre Sophia de Melo Breyner Andresen.

    João Lopes

  • Elogio do DVD

    Cultura

    O mercado do DVD continua a contribuir para o conhecimento de muitas e magníficas memórias da história do cinema — em tempos recentes, vale a pena destacar a redescoberta de alguns clássicos franceses.

    João Lopes

  • António Variações "recriado" por Sérgio Praia
    11:27

    Cultura

    O acontecimento da semana envolve a memória de António Variações (1944-1984): num trabalho de elaborada "recriação", Sérgio Praia protagoniza o filme "Variações", realizado por João Maia. Na área do DVD, João Lopes assinala ainda a edição de alguns clássicos franceses (Ophüls e Pagnol) e três documentários de Jorge Silva Melo sobre artistas portugueses.

    João Lopes

  • A grandeza do IMAX

    Opinião

    Como é que os mercados tiram partido das características específicas dos ecrãs IMAX? Não seria tempo de considerar que a sua dimensão espectacular pode ser explorada para além das rotinas dos filmes de super-heróis?

    João Lopes